Pular para o conteúdo principal

PLANTAS QUE PROMOVEM EMAGRECIMENTO-FITOTERÁPICOS FUNCIONAIS


FASEOLAMINA


DESCRIÇÃO:
Extraída da planta Phaseolus vulgaris, a Faseolamina é uma
glicoproteína que funciona como um inibidor de amilase e possui
efeitos comprovados clinicamente para inibir a digestão e absorção
do amido, diminuindo o peso que os carboidratos exercem no
ganho de calorias da alimentação.
PROPRIEDADES:
Ao contrário de outros produtos para a perda de peso, que contém
cafeína ou derivados anfetamínicos e sempre produzem alguns
efeitos indesejáveis, a Faseolamina atua de forma inteiramente
diferente, ligando-se à enzima alfa-amilase, inibindo a digestão do
amido que, desta forma, não é absorvido, deixando de adicionar
calorias à dieta. Cada grama de Faseolamina, neutraliza 2.250
calorias de amido, in vitro.
ESTUDO CLÍNICOS:
Estudos clínicos constataram que o inibidor de alfa-amilase
provocou a inativação de amilases salivares, intraduodenal e
intraileal, in vitro e diminuiu a ingestão de amidos sólidos de forma
dose-dependente. A perfusão do inibidor no duodeno de humanos
rapidamente inibiu de 94 a 99,9 % da atividade intraluminal. Em
outro estudo, 4 voluntários saudáveis receberam 50 g de amido de
arroz com placebo e no segundo dia com amido com inibidor de
amilase. Comparado ao placebo, o inibidor reduziu
significativamente a atividade da amilase em mais de 95 % por 1 a 2 horas. Verificou-se um aumento nos carboidratos pós-prandiais.
Outro estudo, que utilizou marcadores para os carboidratos e uma
monitoração por tubo oroileal, também constatou que o inibidor de
amilase significativamente reduziu a absorção do reflexo de
carboidratos do ileum terminal. Um estudo feito em ratos concluiu
que o inibidor de amilase altera a quantidade e o padrão da
absorção de alimentos e reduz o ganho de peso.
DIABETE MELLITUS:
Um estudo constatou que a ingestão do inibidor com 50 g de amido
substancialmente reduziu os aumentos pós-prandias nas
concentrações plasmáticas de glicose e insulina, tanto nos
voluntários saudáveis como nos diabéticos, apresentando
resultados promissores no tratamento de diabetes mellitus.
Redução significantes nos aumentos pós-prandiais na glicose
plasmática, peptídio C e polipeptídio inibidor gástrico também foi
constatada em outro estudo no qual 8 pessoas receberam o inibidor
de amilase junto de uma refeição contendo amido, gorduras e
proteínas. Faseolamina tem um efeito benéfico em pacientes com
diabetes ou que sofrem de obesidade.
PRINCIPAL INDICAÇÃO:
Em dietas de emagrecimento, para reduzir a absorção de calorias
provenientes do amido. Além disso mostrou-se benéfica no
tratamento de diabetes mellitus em pacientes não dependentes de
insulina.
POSOLOGIA:
As dosagens podem variar de 250 mg a 1000 mg/dia.

Metabolismo acelerado


O chá verde, extraído da planta Camellia sinensis, emagrece. Sim, além de prevenir diversos tipos de câncer, diminuir o colesterol, proteger os pulmões e os neurônios e retardar o envelhecimento, a erva faz o corpo queimar 5% a mais de calorias. “Isso se deve aos polifenóis e à cafeína presentes na composição”, diz o farmacêutico Carlos Muniz de Souza, representante da Sociedade Brasileira de Farmacognosia, regional Sudeste. Essa erva ainda tem propriedades que garantem a regularização das funções digestivas, reduzindo a incidência de prisão de ventre, gases e digestão lenta. Por isso, o apetite diminui e o peso também.


 Embora, a utilização de ervas medicinais seja tão remota quanto à raça humana, nos últimos anos surgiram no mercado nacional o chá verde, branco, amarelo e vermelho, derivados da mesma planta Camellia sinensis, até então desconhecidos pelas pessoas do ocidente.
A erva Camellia sinensis nos rende esses excelentes chás emagrecedores, visto que ela é desintoxicante, digestiva e diurética. Os chás, além de oferecerem muitos outros benefícios à saúde, eles são destinados, principalmente, àqueles que desejam uma ajuda extra pra emagrecer, isto é, àqueles que desejam colocar um fim na falta de equilíbrio das funções do organismo, o causador do aumento de peso.
A ingestão diárias dos chás (verde, branco, amarelo, vermelho) são, comprovadamente, competentes no auxílio de redução de apetite, estimulação da circulação sanguínea, ativação do metabolismo, e na prevenção do acumulo de gordura nas artérias e por fim, no impedimento da retenção de líquidos. Mas tomar chás o dia todo e não manter uma dieta balanceada e encher-se com alimentos gordurosos e calóricos, nenhuma pessoa apresentará o resultado desejado.
Apesar dos chás emagrecedores (nesse caso torno a dizer verde, branco, amarelo e vermelho) serem oriundos da mesma planta, existem diferenças tênues entre eles na produção, na extração e nos benefícios.
Chás para emagrecerO chá verde é o resultado da infusão das folhas do arbusto Camellia sinensis. O chá verde japonês possui diferentes tipos de cultivo e processamento: “plantação coberta” (chá mais nobres) e “plantação descoberta” (chás não tão nobres). O chá verde possui substâncias antioxidantes, essas substâncias impedem as atuações destrutivas das moléculas de radicais livres, também regeneram as células, combatendo o envelhecimento e o câncer. Diminui a taxa de colesterol ruim, e previne doenças cardíacas e respiratórias.
O chá branco acelera o metabolismo e colabora na eliminação de gordura corporal, possui vários nutrientes como contém vitaminas C, vitamina K, vitamina B1 e vitamina B2 e tem grande concentração de polifenóis. Essas substâncias, polifenóis, auxiliam na paralisação dos responsáveis pelo envelhecimento celular. O chá branco é menos processado, por isso as suas propriedades são mais concentradas, fazendo com que os resultados de emagrecimento sejam mais rápidos.
O diferencial do chá amarelo com os demais está entre a fase da colheita e o processo de fermentação. Esse processo resulta em um chá de tonalidade amarelada e gosto suave e um pouco adocicado. Muito bom às pessoas que não acostumaram com o sabor amargo do chá verde.
O chá amarelo contém antioxidante, aumenta a imunidade corporal, diminui níveis de colesterol, diurético, vasodilatador e estimula a queima calórica. As pesquisas em relação ao chá amarelo estão no início, mas os pesquisadores acreditam que o chá amarelo assim como outros trazem benefícios a saúde e ajudam no emagrecimento.
O Chá Vermelho é extraído das folhas da erva Camellia sinensis. As folhas eram selecionadas em fases distintas, isto é, em etapas diferentes de desenvolvimento e maturação, é também composto de ervas aromáticas. Oferece muitos benefícios, principalmente na aceleração de perda de pesos. Além disso, o consumo do chá reduz o colesterol, é depurativo, desintoxicante e antidepressivo.
Quanto ao preparo dos chás, é prático e instantâneo. Para as pessoas que não tem o costume de beber chás, existe a versão em cápsulas. Recomenda-se que leia as instruções, informa-se melhor sobre as indicações as contraindicações, e se possível consultem o médico.
No mais, os chás são bebidas ideais para as pessoas que prezam por uma vida mais saudável.
Os chás são bebidas consumidas em todo o mundo, seja para benefício da saúde ou por simples degustação. O verdadeiro chá é feito a partir da planta Camellia sinensis, mas conhecemos por chá qualquer infusão feita a partir de folhas e flores.
Tradicionalmente, o chá é preparado a partir de uma planta escolhida e se extrai suas propriedades através de técnicas de extração, como decocção e maceração, por exemplo. Hoje em dia há no mercado chás em outras formas mais práticas, como solúvel (em pó) e em cápsulas.
O preparo do chá em pó é semelhante ao de sucos em pó: basta adicionar água fria ou quente. Pronto. Simples e prático. Mas será que tem as mesmas propriedades de um chá preparado por infusão das folhas?
Há controvérsias no que diz respeito às vantagens do consumo do chá solúvel. Especialistas dizem que o chá feito a partir das folhas secas ou frescas conserva muito mais as propriedades das plantas do que após o processo de industrialização.
Cápsulas de cháO chá em cápsulas traz o conforto de não ter que prepará-lo e nem ficar se preocupando em tomar várias xícaras por dia. E você ainda pode transportar para qualquer lugar. Mas certamente não tem os mesmos efeitos da infusão, pois no processo de industrialização algumas propriedades podem ser danificadas. Sua posologia deve ser seguida de acordo com o fabricante, pois as concentrações podem variar de laboratório para laboratório.
Uma pessoa que tem a disciplina de preparar todos os dias o chá provavelmente terá mais disciplina na alimentação do que as pessoas que optam por cápsulas ou na forma de pó.
Os chás ingeridos nas formas mais naturais serão sempre mais saudáveis e agradáveis de consumir e ainda possuem a vantagem da ingestão da água, fator relevante no que diz respeito à saúde e emagrecimento.

 

QUEIMA DE ESTOQUES


CITRUS AURANTIUM




Metabolismo lento e má digestão são sintomas que ameaçam o resultado de qualquer dieta. O Citrus aurantium, ou Advantra Z, obtido da laranja amarga, pode agitar o ritmo do seu organismo. “Estudos clínicos mostraram que componentes da fruta aceleram o metabolismo, promovendo uma maior queima de calorias e, conseqüentemente, dos estoques de gordura”, explica Marcia Kelman. Quem faz exercício pode se beneficiar em dobro: além da queima de gordura gerar mais energia, o Citrus estimula a liberação de adrenalina. Com todo esse pique, você melhora a performance e ganha mais massa magra, claro, desde que seu treino inclua sessões de musculação. “Apesar de ter uma ação próxima à da efedrina (Ephedra sinica, também conhecida como Ma Huang) – proibida por acelerar os batimentos cardíacos e a pressão arterial, aumentando o risco de insônia, nervosismo, infarto e derrame –, o Citrus é mais seguro. Ele se liga a receptores encontrados no tecido gorduroso, ativando o metabolismo e a queima de gordura sem interferir no sistema cardiovascular”, garante a médica. Outra explicação para a substância ajudar a definir a musculatura, é deixar os aminoácidos mais acessíveis para a formação da proteína — indispensável para a construção e manutenção dos músculos. “O Citrus aurantium também tem propriedade digestiva, melhorando a absorção dos nutrientes e protegendo o estômago”, afirma Carlos Muniz.

OUTROS DADOS SOBRE O CITRUS AURANTIUM OU ADVANTRA Z

GENERALIDADES:
Um extrato standartizado feito a partir da laranja-amarga, é a
maneira natural de perder peso facilmente, A
d
vantra Z aumenta o
mecanismo natural do corpo que queima as gorduras, sem os
efeitos colaterais indesejáveis de outros fármacos, sem afetar a
taxa de batimentos cardíacos e/ou a pressão sangüínea.
FA
RMACOLOGIA:

Recentemente descobriu-se que em certos estágios de
amadurecimento do fruto, Citrus A
urantium continha uma rara
composição de cinco aminas adrenérgicas: sinefrina, N-
metilyramina, hordenina, octopamina, tyramina.
A chave para a eficácia da Advantra Z é a sua propriedade de
estimular receptores Beta-3, que são os sítios específicos na célula
que regulam a perda de gordura. Advantra Z faz isso sem afetar os
receptores Alfa-1, Beta-1 e Beta-2, que estão relacionados à
pressão sangüínea e aos batimentos cardíacos.
Hoje em dia, pesquisas preliminares confirmaram que Advantra Z
estimula tão somente o receptor Beta-3, evitando efeitos colaterais
negativos no sistema cardiovascular.
O extrato Citrus Aurantium (Advantra Z), causa a liberação de
adrenalina e noradrenalina perto dos sítios de receptores Beta-3.
Esses sítios são principalmente encontrados nos tecidos adiposos e
no fígado. O estímulo aos receptores Beta-3 desencadeia o
processo de quebra da gordura – Lipólise.
Simultaneamente, esse estímulo causa um aumento na taxa
metabólica (termogênese) o que queima uma quantidade maio de
caloria. Assim pessoas que utilizam Advantra Z podem acelerar a
remoção de depósitos de gordura indesejáveis. Além disso, como a
administração de Advantra Z aumenta a disponibilidade de gorduras
para oxidação ( respiração celular ), o corpo tem acesso a maiores
quantidades de energia.
Isso é importante porque, quando uma pessoa realiza exercícios
físicos regulares, um aumento de energia disponível pode reduzir a
massa muscular. E , durante os exercícios aeróbicos, a maior
quantidade de energia vai facilitar uma melhor performance física.
Quando Advantra Z é utilizada em combinação com uma dieta
alimentar rica em proteínas e com poucos carboidratos, e programa
moderado de treinamento físico, o corpo aumenta sua
disponibilidade de aminoácidos, que são assim incorporados em
proteínas para formação de massa muscular.
Todos esses processos físicos – queima gorduras, aumento da
performance física, aumento da massa muscular – são conseguidos
com maior eficácia e segurança, acompanhados de Advantra Z do
que qualquer outro agente de perda de peso ou de forma física.
EFEITO TERMOGÊNICO:
Advantra Z aumenta a queima de calorias logo após as refeições,
potencializando o efeito térmico dos alimentos. Além disso, atua
como simpatomimético, aumentando a liberação de catecolaminas
pré-sinápticas. Isso significa que Advantra Z ativa os componentes
necessários para estimular certos receptores responsáveis pela
perda de gordura. EFEITOS COLATERAIS: Citrus Aurantium X Ma Huang (Efedra sp.).
A administração de Ma Huang pode causar efeitos colaterais parecidos com os induzidos per anfetaminas (como PA elevada,
distúrbios musculares, insônia, boca seca, palpitação precordial,
nervosismo,...).
Esses efeitos colaterais podem ocorrer porque as aminas na
Ephedra sp. são lipofílicas, sendo atraídas pela gordura. Tomadas
em doses maiores, cruzam facilmente a barreira hemato-encefálica,
causando efeito colaterais nos sistemas cardiovasculares e nervoso
central.
Como as aminas de Advantra Z não estão imediatamente
disponíveis para cruzar a barreira hemato-encefálica, os efeitos
negativos não são manifestados quando se tomam as dosagens





CHITOSAN

Chitosan é uma forma deacetilada da Quitina, este, um componente
natural das carapaças das ostras, que apresenta efeitos
hipocolesterolêmicos pronunciados, através da diminuição da
absorção de lipídeos na luz intestinal.
MECANISMO DE AÇÃO:
Chitosan dissolve-se no estômago, formando uma emulsão com as
gotículas lipídicas presentes na luz estomacal. Esta emulsão então
precipita-se no intestino delgado.
Dada a estrutura polissacarídea de Chitosan, a emulsão agrega-se
formando matrizes complexas, que são absorvidas e excretadas
pelas fezes,
Estudos mostram que Chitosan aumenta o peso das fezes em cerca
de 1,5 vezes. Através de reações entre os esteróides de caráter
ácido e os esteróides neutros no lúmen intestinal, a absorção de
lipídeos diminui, enquanto que a excreção dessas substâncias
aumenta.
REDUÇÃO DO COLESTEROL:
A despeito de todas as suas propriedades, Chitosan apresenta uma
aplicação clínica interessante que é a redução dos níveis de
Colesterol.
Pesquisadores japoneses em trabalho original, reportam o efeito
hipocolesterolêmico do Chitosan em humanos. Quando
administrado entre 2 a 3 gramas diárias à 40 homens adultos, o
nível de colesterol diminui significativamente. O Colesterol sérico
HDL teve seus níveis incrementados.
A quantidade de ácidos biliares primários, ácido cólico e ácido
quenodeoxi-cólico, excretada nas fezes, aumentou
significativamente com a ingestão de Chitosan.
Estes resultados sugerem que Chitosan combina-se com os ácidos
biliares no trato gastrointestinal e que o produto assim combinado é
excretado nas fezes.
INDICAÇÕES:
Auxiliar em regimes de emagrecimento.
Diminuir a absorção de gorduras.
Diminuir o Colesterol.
Auxiliar nos processos digestivos.
VANTAGENS:
Aumenta a eliminação de gorduras.
Maior aumento do bolo fecal em relação à celulose.
Produto natural de obtenção ecologicamente correto.
Devido a sua origem natural não é tóxico e não apresenta efeitos
colaterais.
A dose letal em animais é maior que 16 g/Kg.
Aparentemente não altera a absorção de proteínas e seus efeitos
ocorrem especificamente sobre os lipídeos.

GARCINIA CAMBOJA Citrimax (Acido Hidroxicítrico – HCA).


O Citrin extrac (Gancinia Camboja) é obtido dos frutos de plantas do
Sul da Ásia e África tropical (plantas do gênero Garcinia sp), que
contém o ácido Hidroxícitrico como principio ativo.
O acido hidroxicítrico ( na forma de hidroxicitrato) e um inibidor
efetivo da síntese de acidos graxos. Isto se da pela interrupção do
fornecimento de Acetil Coenzima A (ACoA), elemento essencial na
biossíntese de ácidos graxos (unidade fundamental dos
triglicerídeos e lipídeos polares) e colesterol.
Durante o processo natural, a ACoA é formada na mitocôndria, mas
não passa através da migra ao citosol da célula (fora da
mitocôndria), sendo clivado pela enzima citrato liase em ACoA e
oxaloacetato. Dessa forma, o oxaloacetato novamente retorna a
mitocôndria na forma de certos intermediários e a ACoA
transportada para o exterior da mitocôndria, fica disponível entre
outras coisas, a síntese lipídica, quando sob condições nutricionais
de uma dieta rica em carboidratos. Isto resulta em acúmulo
excessivo de triglicerídeos no tecido adiposo e no sangue,
causando desordens como obesidade e hipertrigliceridemia
respectivamente.
Na presença de Citrin extract (Garcínia-Hidroxicitrato), a clivagem
reversa do citrato no citosol, para gerar ACoA. O Hidroxicitrato,
devido a sua similaridade estrutural com o citrato, se “ancora” a
citrato liase (mecanismo de repetição), mas não pode ser clivada
como o citrato, e permanecendo no sítio ativo da enzima, bloqueia
sua atividade. Sendo assim, nenhum citrato é clivado, e
conseqüentemente, nenhuma ACoA é sintetizada, portanto não
ocorre a síntese de ácidos graxos, evitando o acúmulo indesejado.
A concentração de citrato aumenta sua migração a partir da
mitocôndria cessa.
O Citrin extract (Garcínia cambogia) causa também uma efetiva
redução de apetite. Isso se deve a alteração do fluxo metabólico,
resultante do desvio de carboidratos (da dieta) e seus metabólitos
da síntese lipídica, como descrito acima. Portanto o Citrin extract
(Garcínia cambogia) apresenta uma vantagem inédita, pois atua a
nível metabólico e não a nível de sistema nervoso central, ao
contrario dos anorexígenos clássicos.
DOSAGEM: Cápsulas de 500 mg, 2 a 3 vezes ao dia na primeira
semana e, depois, 500 mg 3 vezes ao dia no período subseqüente.
 Fonte :http://pt.scribd.com/doc/2881207/Anorexigenos-fitoterapicos-obesidade-saude-emagrecimento


Postagens mais visitadas deste blog

OVOS - QUANTOS POSSO COMER POR DIA ?

Ovos — Quantos Posso Comer por Dia?

Os ovos são uma fonte ampla­mente disponível, barata e ver­sátil em ter­mos de pro­teí­nas, cál­cio e vit­a­m­i­nas. Eles tam­bém são fre­qüen­te­mente asso­ci­a­dos a efeitos adver­sos como prob­le­mas de coles­terol e dia­betes. No entanto, a pesquisa atual mostra que o con­sumo mod­er­ado de ovos pode ser seguro e bené­fico para adul­tos saudáveis. A ingestão diária depen­derá de uma série de fac­tores, incluindo a história da saúde, sexo e nível de activi­dade da pessoa.


Nutrição

Famosos por seus altos níveis de pro­teína e cál­cio, os ovos con­têm uma série de vit­a­m­i­nas e min­erais impor­tantes. Um único ovo cozido grande tem ape­nas 78 calo­rias, mas ofer­ece 6,29 g de pro­teína, 25 mg de cál­cio, 0,59 mg de ferro e 112,7 mcg de col­ina. O ovo con­tém 22 mcg de ácido fólico, 260 UI de vit­a­m­ina A, 44 UI de vit­a­m­ina D e 176 mcg de luteína e de zeax­an­tina, bem como peque­nas quan­ti­dades de muitas das vit­a­m­i­nas do com­plexo B.
Coles­…

ALOE VERA : A MARAVILHA PROIBIDA

Aloe Vera: A Maravilha ProibidaAloe Vera é geralmente chamada de a planta milagrosa, a cura natural, dentre outros nomes que sobreviveram por 4.000 anos dentro dos quais essa planta tem beneficiado a humanidade. George Ebers em 1862 foi o primeiro a descobrir o uso da Aloe na antiguidade em um antigo manuscrito egípcio datado de 3500 AC, o qual foi de fato uma coleção sobre ervas medicinais. Outros pesquisadores desde então descobriram que a planta era usada também pelos chineses e indianos antigos. Médicos gregos e romanos como Dioscorides e Plínio usavam Aloe obtendo maravilhosos efeitos e legendárias sugestões que persuadiram Alexandre O Grande a capturar a ilha de Socotra no Oceano Índico com o intuito de obter sua rica plantação de Aloe para curar seus soldados feridos nas guerras. As rainhas egípcias Nefertiti e Cleópatra taxaram grandiosamente a Aloe como sendo o melhor tratamento de beleza. Naqueles tempos beleza e saúde estavam intimamente ligadas, muito mais que estão atualme…

O QUE SÃO BIOFLAVONÓIDES ?

São pigmentos vegetais hidrossolúveis, que dão cor às cascas, caules, flores, folhas, frutos, raízes e sementes das plantas, cujas variantes catalogadas já somam mais de 1.200, dividas em inúmeros subgrupos – flavonas, flavonóides, flavononas, isoflavonas etc.      Os bioflavonóides foram descobertos pelo Prêmio Nobel Albert Szent-Gyorgyi durante o processo de tentativa de isolar a vitamina C. A primeira propriedade por ele observada foi a ação protetora que exerciam sobre a capilaridade ao interromper o sangramento das gengivas. Estudos subseqüentes mostraram, no entanto, que os bioflavonóides não respondiam às definições das vitaminas, assim como não era possível identificar sintomas típicos para sua deficiência – razões alegadas pelo FDA, em 1968, para declará-los terapeuticamente ineficientes e proibir a sua prescrição médica. Esses argumentos, porém, não foram suficientes para interromper as pesquisas, que logo constataram a interdependência dos bioflavonóides com a vitamina C – …