Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2016

ALIMENTAÇÃO INFANTIL DE 2 A 6 ANOS

ALIMENTAÇÃO INFANTIL: 2 A 6 ANOS




Nessa fase, a criança começa a se interessar mais pelo ambiente que a cerca e é importante deixar que ela o explore. Deve-se intercalar a alimentação entre uma e outra atividade, acompanhando sempre o desenvolvimento da criança, para garantir que não esteja havendo nenhum prejuízo. É nessa fase que a criança está desenvolvendo seus sentidos e diversificando os sabores e, com isso, formando suas próprias preferências. Por isso, a qualidade nutricional da alimentação oferecida deve receber atenção especial, já que a criança está em pleno desenvolvimento, inclusive de sua capacidade cognitiva. Uma dieta balanceada desde a infância favorece boa saúde e ajuda a evitar a manifestação da obesidade, distúrbios alimentares e cáries dentárias. Na longa faixa de idade que vai do pré-escolar (2 a 6 anos) ao escolar (7 a 10 anos de idade), a alimentação da criança pode e deve adequar-se à alimentação dos adultos de sua casa.  Mas adequar a alimentação da criança à dos…

GLÚTEN PODE ? NUTRICIONISTAS SÃO CONTRA RETIRADA DA ALIMENTAÇÃO : "NÃO É VILÃO"

Pães e outros alimentos integrais têm mais fibras  e vitaminas que versões originais (Foto: Getty Images) Glúten pode? Nutricionistas são contra retirada da alimentação: "Não é vilão" Profissionais do HCor afirmam que excluir o glúten da dieta sem necessidade pode gerar até intolerância futura e dizem que apenas 1% da população sofre do problema
De tempos em tempos alguns alimentos são promovidos à categoria de vilões da saúde e da boa forma. Ao lado da lactose, o glúten é o eleito da vez. Atualmente as prateleiras dos mercados oferecem uma grande variedade de produtos chamados glúten free, que são mais caros do que as versões tradicionais e não necessariamente menos calóricos. Alguns podem até conter mais gordura. Então, será que retirar o glúten da dieta é indicado para qualquer pessoa? De acordo com as nutricionistas do Hospital do Coração de São Paulo, o HCor, Maria Fernanda D’Ottávio e Camila Torreglosa, não, exceto em casos diagnosticados de intolerância.  

E até a intoler…

APRENDA A ELIMINAR AS GORDURINHAS MAIS RESISTENTES

Aprenda a eliminar as gordurinhas mais resistentesMédico britânico lança livro e ensina as mulheres a eliminar as gorduras localizadasEliminar aquela gordurinha insistente parece missão impossível. Mas o médico britânico naturopata Max Tomlinso tenta acabar com "esse sofrimento".  Ele acaba de lançar o livro Elimine a Gordura Localizada | Vá direto ao ponto, pela Editora Senac São Paulo, e explica sobre como o estilo de vida, hábitos alimentares e fatores ambientais podem levar ao desequilíbrio hormonal e, consequentemente, ao acúmulo de gordura. Confira algumas dicas que vão te ajudar a eliminar o "vilão":
Pneuzinhos
Alimentação: evitar açúcares e carboidratos simples refinados (arroz branco, açúcar branco, refrigerantes com açúcar, álcool) e dar preferência a alimentos que liberam energia de forma mais lenta no organismo (cebola, cenoura crua, feijão, brócolis, berinjela). Esses alimentos são ricos em bom índice glicêmico e carga glicêmica. Também é recomendável fa…

A BELA GIL QUE OS MEMES NÃO MOSTRAM

A Bela Gil que os memes não mostram Guru de uns e pedra no sapato de outros, a apresentadora vive entre a devoção e a zoaçãopor Natacha Cortêz19.10.2016 Tpm #169
Tem pouco mais de dois anos e 89 episódios que Bela Gil está na TV. Algo que até hoje parece mentira pra ela que nunca quis, nem sequer imaginou, ser uma figura pública como o resto da família. Sétima filha de Gilberto Gil (com a quarta mulher, Flora), Bela cresceu entre artistas e desinibidos, mas não se sentia exatamente como eles. Tímida, foi a criança menos aparecida da prole – que, imagine só, incluía Preta Gil. Mesmo bebê, Bela era “silenciosa e serena”, lembra Odete, a pernambucana que cuidou de quase todos os rebentos de Gil e hoje ajuda Bela com Nino, seu segundo filho. Do programa de receitas naturais no GNT para o tribunal impiedoso da internet, bastaram meia dúzia de exibições e alguns ingredientes pouco usados nas cozinhas brasileiras. A linhaça, a cúrcuma, a cevadinha, a melancia grelhada e o leite de castanha fiz…

CARBROIDRATO,GLÚTEN,SAL : ELES NÃO SÃO VILÕES

Carboidrato, glúten, sal: eles não são vilões Se a sua dieta é isenta de carboidrato, glúten ou lactose, é provável que seu filho queira seguir seus hábitos. Mas você sabe os riscos que essas restrições sem indicação médica podem trazer para o desenvolvimento dele? Adicionar aos favoritos Por Naíma Saleh - atualizada em 18/10/2016 13h13
Nos últimos anos, o glúten, a lactose e as gorduras, em especial, parecem estar na berlinda. Dizem que são inflamatórios. Incham. Provocam estufamento. Atrapalham a perda de peso. Todo esse apelo fez com que muitas famílias cortassem ou reduzissem o consumo dentro de casa, trocando o pão pela tapioca, banindo massas e arroz ou deixando de lado leites e queijos. “Hoje, por conta de modismos, algumas pessoas fazem um verdadeiro terrorismo à mesa. Mas não há por que estabelecer restrições alimentares pa…